Escolha uma Página

O que a Gartner diz sobre Big Data

bigdata_forwebRelatório recente da Gartner aponta que 64% das empresas americanas estão desenvolvendo ou planejando projetos de Big Data. Mas a maioria ainda não sabe o que fazer com tanta informação, muito menos o que extrair desse grande conjunto de dados. Segundo o relatório Big Data Adoption in 2013 Shows Substance Behind the Hype, o Big Data já passou da fase de propaganda exagerada (hype) para empresas começarem a investir em projetos reais. Em 2012, 27% de organizações investiram em projeto na área e 31% pensavam em fazer isso nos próximos anos. Já em 2013, esse número subiu para 30% e 34%, respectivamente. É um salto significativo que representa a confiança nessas informações para melhorar a experiência do cliente (54% afirmou que isso traz motivação), em melhorar a eficiência nos processos (42%) e no lançamento de novos produtos ou modelos de negócios (39%).

Mas o principal problema para esses empresários americanos e que pode também ocorrer no Brasil é entender, afinal, o que é Big Data e como fazer isso funcionar. Para essa pergunta, 56% responderam que determinar como dar valor ao Big Data é o maior desafio; para 41% foi definir a estratégia, enquanto 34% consideraram obter as habilidades e capacidades necessárias para aplicar às informações acumuladas.

O fato de ainda não saber o que fazer com o Big Data não significa que essas empresas sejam incompetentes. É provável que apenas tenham se empolgado com a propaganda em torno do Big Data antes de estarem suficientemente maduras para seguir pelo caminho correto. A verdade é que, quando o maior desafio é obter valor dos dados coletados, é necessário parar para rever o que está ocorrendo.

Como usar Big Data?

Os desafios empresas que querem trabalhar seu Big Data incluem a captura dos dados, curadoria, armazenamento, formas de busca, compartilhamento, transferência, análise e visualização. Essa tendência surge da necessidade de comparar conjuntos de dados menores que podem ser correlacionados e permitir uma leitura mais clara. Duas dicas para quando sua empresa começar a mexer com Big Data:

  1. Vá devagar

A ideia é fantástica, mas o início tem de ser modesto. As empresas que desejarem ter os benefícios dessas informações devem começar aos poucos. Analise uma área da empresa ou use informações de um projeto. A Inteligência Preditiva, por exemplo, pode ser usada em várias áreas, e você pode começar escolhendo uma delas. Saiba mais aqui.

  1. Invista em consultores ou parceiros com experiência

Encontre um consultor ou parceiro que possa aprender sobre Big Data e tocar o projeto. Essa pessoa fará as perguntas certas para o contexto do negócio e o que você pode aprender com os dados para ter resultados reais. Big Data só vai dar certo se você souber o que quer extrair dele e o que espera alcançar.

Quer saber mais? Entre em contato conosco.

NOSSOS ESCRITÓRIOS

Com analistas e parceiros certificados em vários países, nossos escritórios estão localizados em:

São Paulo - Brasil

+ 55 11 2372 1157

Rua Fidalga, 721

Vila Madalena

Belo Horizonte - Brasil

+ 55 31 2528 7078

Av. Getúlio Vargas, 668 - Sala 1204

Funcionários

Buenos Aires - Argentina

+ 54 11 6438 1196

Av. Juan Bautista Alberdi 1310

Caballito

info@treeintelligence.com

   

© 2019 Copyright • All rights reserved

Desenvolvido por: